Blog do Júnior Bocelli

Estudos bíblicos, reflêxões, devocionais, histórias e artigos em geral.

Meninos gêmeos Itohowo e Kufre estão cercados por aldeões irritados que acreditam que eles estão trazendo o mal para suas vidas Robin Hammond / The Observer. Fonte: http://guardian.co.uk

Neste artigo apresento os fatos, que já são do conhecimento de alguns, sobre a situação das igrejas evangélicas na Nigéria, onde os pastores estão acusando crianças de serem bruxas e cobrando altas taxas para exorcizá-las. Procurei fazer uma exposição clara para que o cidadão normal, não acostumado com a linguagem do “gueto” evangélico, também pudesse compreender a situação.

O leitor também encontrará informações sobre o grupo brasileiro do “Caminho da Graça” enviado à Nigéria, pelo pastor Caio Fábio, com a ajuda de irmãos do Caminho em todo o Brasil. As informações que deram origem as investigações são formadas por dois vídeos (vídeo 1vídeo 2), e as demais estão reunidas no site do pastor Caio Fábio na seção intitulada “Dossiê Nigéria“.

Nwanaokwo Edet, 9 anos, foi forçada a beber ácido pelo pai após pastor evangélico acusá-la de bruxaria. A menina ficou cerca de 1 mês internada em Akwa Ibom, Nigéria, antes de morrer (http://www.dailytelegraph.com.au/news/world/church-burns-witchcraft-children/story-e6frev00-1225788721635).

Nwanaokwo Edet, 9 anos, foi forçada a beber ácido pelo pai após pastor evangélico acusá-la de bruxaria. A menina ficou cerca de 1 mês internada em Akwa Ibom, Nigéria, antes de morrer.

É chocante, eu mesmo não acreditaria se não visse com meus próprios olhos, mesmo sabendo que essa é uma possibilidade iminente, quando vejo como são as igrejas evangélicas pentecostais do nosso país. Os evangélicos se dizem perseguidos pela mídia, sobretudo pela Rede Globo de televisão, mas caso não existisse meios de comunicação denunciando a corrupção nesse meio, imagine as bizarrices que teríamos em nosso país.

Moradores revoltados com Udo, 12, com um facão, acusando-o de ser uma bruxa. Seu braço quase foi cortado. Fonte: http://guardian.co.uk

Moradores revoltados com Udo, 12, com um facão, acusando-o de ser uma bruxa. Seu braço quase foi cortado. Fonte: http://guardian.co.uk

Fiquei aterrorizado ao ver o que o cristianismo das igrejas evangélicas criou nos países africanos, onde crianças são acusadas de bruxarias pelos pastores, que pedem uma quantia equivalente a cerca de 4 meses de trabalho para que as crianças sejam exorcizadas. O exorcismo consiste em mutilar os corpos das crianças (como poderão ver em vídeo anexo) e queimar os ferimentos com o fogo de uma vela.

Mary, 13 anos. Jogaram ácido em seu rosto após ser acusada de ser uma bruxa. Fonte: http://guardian.co.uk

Mary, 13 anos. Jogaram ácido em seu rosto após ser acusada de ser uma bruxa. Fonte: http://guardian.co.uk

As famílias mais pobres que não podem pagar ao pastor pelo “exorcismo”, ou que pouco se importam com as suas crianças, tentam elas mesmas “curar a bruxaria” torturando-as, mutilando seus corpos ou simplesmente as abandonando no mato.

Quem são os pastores que praticam esse tipo de coisa

São pastores que se “converteram” das “cruzadas evangelísticas” feitas por missionários da América do Norte ou da Europa, que seguem a linha pentecostal e neopentecostal de doutrina. Para que o leitor leigo no assunto saiba o que siguinificam essas designações, darei alguns exemplos de igrejas pentecostais e neopentecostais brasileiras: pentecostais, por exemplo, Igreja Universal do Reino de Deus, Assembléia de Deus, Igreja do Evangelho Quadrangular, Igreja Brasil para Cristo, Igreja Deus é Amor, entre muitas; como exemplo de neopentecostais, temos: Igreja da Graça, Igreja Mundial do Reino de Deus, Igreja Renascer em Cristo, Igreja Sara Nossa Terra (lembrando que esses são somente exemplos e não significa que essas igrejas estão envolvidas; apesar de não fazerem nada à respeito e algumas apoiarem pessoas como Reinhard Bonnke).

Pastor evangélico humilha detentos em presídio usando hipnose e diz ser o "Espírito Santo".

Você mesmo que visitou algumas dessas igrejas, ou assistiu algum vídeo na internet, provavelmente presenciou o desrespeito que eles têm pelos seres humanos e que descaradamente aproveitam-se das superstições e das necessidades do povo para obter poder e dinheiro.

Igreja Universal do Reino de Deus, por ocasião de crise financeira, cria a "Vígilia dos 318" para atrair empresários desesperados. Poucos empresários, que supostamente obtiveram prosperidade de Deus na vigília, são entrevistados exibindo sorrisos e carros luxuosos.

No Brasil, aproveitam-se da pobreza que contrasta com a proposta capitalista de estilo de vida que é vendida ao povo pelos meios de comunicação, oferecendo prosperidade financeira ao fiel. Também se aproveitam do medo aos espíritos, gerado pela cultura das religiões afro, oferecendo “proteção espiritual” a quem freqüenta as reuniões e prometem fidelidade aos pastores “guias”.

Imagine o que uma crença desse tipo, capaz de sincretismos tão perversos, é capaz de criar em um país como a Nigéria, recém colonizado e vítima de golpes militares e guerras civis sangrentas. Desejosos por terem uma vida luxuosa, como a que se tem nos países ricos, de onde vêm os missionários, não demorou muito para que 90% do povo se tornasse cristão.

Os antigos deuses dos nigerianos foram vencidos pelos colonizadores, assim como nas guerras da antigüidade, onde os deuses dos países vencidos (incapazes de conduzir o povo a vitória) eram substituídos, aos poucos, pelos deuses do povo vencedor.

Reinhard Bonnke costuma reunir cerca de 1,6 milhões de pessoas em suas cruzadas evangelísticas na África.

Reinhard Bonnke costuma reunir cerca de 1,6 milhões de pessoas em suas "cruzadas evangelísticas" na África.

O principal precursor dessa doutrina perversa na Nigéria, foi um alemão e pastor neopentecostal conhecido como Reinhard Bonnke, o qual foi recebido pela Igreja Batista da Lagoinha no ano de 2007 com todas as honras de um “grande homem de Deus” (Fonte).

O jornal alemão Die Zeit o caracteriza como “um dos mais bem sucedidos missionários do nosso tempo” (Fonte). Como se não bastasse, esses missionários na África ainda recebem caches milionários para virem pregar em congressos em outros países, como aconteceu aqui no Brasil.

Pastor Reinhard Bonnke, corrompe a fé em Jesus na África e é recebido pela Igreja Batista da Lagoinha como um grande "homem de Deus".

Assim como Reinhar Bonnken, a maioria desses pastores fizeram fortunas as custas da miséria do povo africano prometendo prosperidade material e proteção contra a bruxaria (Fonte). Esses novos missionários, romperam com a escola tradicional, onde instituições sérias construíam hospitais e colégios para atenderem as necessidades do povo carente, e criaram instituições religiosas gigantescas e milionárias como “Assembléia do Novo Testamento”, “Igreja de Deus das Missões”, “Evangelho Monte Sião”, “Glória de Deus”, “Irmandade da Cruz”, “Liberdade do Evangelho”, entre muitas outras.

“Velhas tradições africanas que através do Cristianismo não foram absorvidas ou marginalizadas, serão completamente tomadas por estas igrejas. Bruxaria e magia são uma realidade, temos a força para lutar contra isso”, afirma Kamphausen ( diretor da Academia de Missão da Universidade de Hamburgo).

Como funciona o esquema

Os missionários brancos, vindos da América e da Europa, não se envolvem diretamente com a vitimização das crianças, como já era possível imaginar. Isso representaria muitos problemas para eles, tanto na Nigéria como em seus países de origem; um problema desnecessário, uma vez que o negócio deles é promover grandes cruzadas e construir grandes ministérios.

Feto de uma mulher é entregue durante um serviço meia-noite em Akwa Ibom. Fonte: http://guardian.com.uk

Feto de uma mulher é entregue durante um serviço meia-noite em Akwa Ibom. Fonte: http://guardian.com.uk

O que eles fazem é demonizar o povo nigeriano. Pregam sobre os espíritos que fazem mal as pessoas e que são enviados pelos bruxos, oferecem proteção espiritual àqueles que se tornarem comprometidos com a igreja. Ao contrário do que Jesus ensinou, eles pregam que, para combater os feitiços enviados pelos bruxos, não basta a fé simples em Jesus, mas sim um trabalho contrário, ou seja, as obras e as causas da igreja.

Assim como fazem aqui no Brasil, ensinam o povo que a pobreza é uma obra do diabo, e que a inveja e o olho gordo de pessoa de fora da comunidade, é o responsável pela má sorte nos negócios, na família e na vida sentimental. A resposta para essa situação de miséria é então fornecida por esses pastores. Eles ensinam que o fiel comprometido com a “obra” não está a mercê dos espíritos causadores de má sorte e também que Deus dará uma posição privilegiada na sociedade aos mais fiéis.

Pastor José Ita, Liberty Igreja Evangélica em Eket, acredita que as crianças, incluindo bebês, seriam bruxas por terem comido no passado comida envenenada. Fonte: http://guardian.com.uk

Pastor José Ita, Liberty Igreja Evangélica em Eket, acredita que as crianças, incluindo bebês, seriam bruxas por terem comido no passado comida envenenada. Fonte: http://guardian.com.uk

Os pastores negros da Nigéria não têm nem 1 milésimo dos recursos necessários para se promover uma grande cruzada evangelística, como fazem os brancos. Eles vêem os pastores brancos enriquecerem e se tornarem autoridades poderosas em seu país, mas não têem os mesmos recursos para fazerem o mesmo. Eles não podem prometer prosperidade aos fiéis, pois eles mesmos não são tão ricos e poderosos como os brancos, além do assunto “prosperidade” já ter se desgastado muito devido as promessas feitas pelos brancos.

Meninos gêmeos Itohowo e Kufre estão cercados por aldeões irritados que acreditam que eles estão trazendo o mal para suas vidas Robin Hammond / The Observer. Fonte: http://guardian.co.uk

Meninos gêmeos Itohowo e Kufre estão cercados por aldeões irritados que acreditam que eles estão trazendo o mal para suas vidas Robin Hammond / The Observer. Fonte: http://guardian.co.uk

Dessa forma, o que resta a eles é usar o medo da bruxaria que os nigerianos possuem, pois o assunto bruxaria está presente na cultura nigeriana há milênios. Não é mais possível dizer na Nigéria que pessoas não crentes enviam maldições as pessoas (como aqui no Brasil se faz devido a Umbanda e o Candomblé), pois mais de 90% da população é evangélica. O que eles fazem é usar um mito antigo de que existem “crianças bruxas” enviadas por Satanás para atrapalharem os negócios da família, trazendo má sorte e doenças, acusando as únicas pessoas que não têm voz em um país de gente embrutecida e gananciosa, como a Nigéria de hoje em dia.

Vídeo promocional, produzido pela pastora Neusa Itioka, convocando as nações a declararem guerra contra a feitiçaria. A libertação dos espíritos opressores deixa de ser Graça de Deus para se tornar obra feita pelo homem, usando o nome de "Jesus", como se Ele fosse um "espírito mais poderoso".

O material teórico responsável por produzir esse sistema diabólico, conhecido como “Batalha Espiritual“, presente hoje na Nigéria, é o mesmo que fez sucesso no Brasil nos anos 80 e 90. Quem não se lembra dos grupos formados por fiéis da Universal presos por invadirem centros de macumba? É essa teoria, que começou a ser produzida pelo seminário de missiologia norte-americano “Seminário Teológico Fuller” e que teve como grande precursora no Brasil a pastora pentecostal Neusa Itioka, que hoje lota as livrarias nigerianas, como nos confirma o grupo do Caminho da Graça na Nigéria.

Jovem acorrentado em igreja evangélica passando por processo de libertação. É estranho pensar que uma pessoa que busca ser liberta vive acorrentada a uma coluna num templo evangélico.

Jovem acorrentado em igreja evangélica passando por processo de "libertação". É estranho pensar que uma pessoa que busca ser liberta vive acorrentada a uma coluna num templo evangélico.

Pastores Nigerianos enriquecem rapidamente na Nigéria, exibindo carros luxuosos e jóias em ouro pelo corpo. O que deveria ser um sinal para que o povo nigeriano desconfiasse desses pastores faz exatamente o contrário, ou seja, o povo vê a riqueza desses pastores e os consideram abençoados e grandes “homens de Deus”, como confirma o nigeriano Kefing Foluke.

Reportagem da TV Americana ABC sobre as crianças acusadas por pastores.

“Há no vídeo um religioso católico, lutador solitário, que vamos procurar encontrar a fim de trabalharmos juntos contra o comércio de alminhas humanas. Para aqueles seres mais sectários e apologetas, que endurecerão o coração com a veiculação de uma matéria que poderia ser tendenciosa, já que um padreco africano encaminha os repórteres americanos aos cultos “evangélicos”, eu só tenho a dizer o seguinte: ‘Sejam esmagados pela realidade das imagens promovidas pelo teatro de horrores que a teologia da prosperidade já fez em toda a África Central… em proporção endêmica! E façam apologia contra a praga neopentecostal e não contra o Amor!'” (Fonte).

E as autoridades nigerianas?

As estatísticas sobre o crescimento dos grupos pentecostais, chamados “carismáticos”, impressionam. Segundo o World Christian Database, em Boston, a Nigéria é o terceiro país do mundo em número de seguidores de igrejas pentecostais, com aproximadamente 3,9 milhões de fiéis. O país fica apenas atrás do Brasil, com mais de 24 milhões, e os Estados Unidos, com cerca de 6 milhões.

Álbum de imagens das crianças bruxas, estigmatizadas pelas igrejas evangélicas nigerianas, acolhidas pelo CRARN.

Álbum de imagens das "crianças bruxas", estigmatizadas pelas igrejas evangélicas nigerianas, acolhidas pelo CRARN. (clique na imagem para abrir)

Estima-se que mais de 5000 crianças foram abandonadas na Nigéria desde 1998 por conta das acusações de bruxaria feitas pelos pastores evangélicos, para morrerem; isso quando não são mortas, espancadas, dilaceradas e violentadas antes de serem abandonadas. Estatísticas dizem que a cada 5 crianças abandonadas, 1 acaba morrendo de desnutrição ou por conta das torturas indescritíveis que elas sofrem.

Em seu último comunicado (15/01/2010), os irmãos do “Caminho da Graça” enviados para ajudarem as crianças, relataram a situação que encontraram no lugar onde muitas crianças de refugiam

“[…] Falo a respeito da mais estranha categoria de estigmatização infantil. Tenho por certo que uma bomba de insanidade varreu a humanidade que um dia possa ter existido aqui. Agora… para qualquer lado que se olhe, está tudo lá… É difícil apagar. Ficou estampado, marcado, manchado. É um painel de horrores e o famoso clichê se aplica aqui: É cenário de guerra civil. Tem sangue, mosquito, estupro, abutres, mutilação, monturo, extorsão, maldição, feitiçaria, tumores, exploração, correntes, medo, terror cristão, desencanto e morte.” (Fonte).

Na Nigéria não existem leis de proteção as crianças como em nosso país e não há ninguém que se importe com elas. Os missionários cristãos com suas “teologias de prosperidades” e o estilo de vida dos países capitalistas, pregados como os “ideais de Deus para os homens”, fez com que o povo nigeriano, acostumado a tantas guerras e dificuldades, se tornasse extremamente gananciosos e amantes do dinheiro. Quando os pastores acusam suas crianças de bruxaria, alguns pais vêem aí uma oportunidade de se livrarem de suas crianças, as quais não têm para eles nenhum valor econômico (veja reportagem da tv norte-americana ABC acima).

Multidão formada por evangélicos invade reunião de ONGs pelos direitos humanos das crianças estigmatizadas na Nigéria.

“Os obreiros-empregados da “Helen-Macedo” usam os mesmos artifícios empregados aqui, na luta contra os “ímpios” que, cegados pela incredulidade, NEGAM que as crianças sejam BRUXAS. No vídeo de quase 3 minutos, a “gangue” da evangelista invade o salão. Eles estão todos de laranja. Entram de surpresa decretando domínio territorial em nome de Jesus e cantando louvores de guerra. E terminam por expulsar na violência um organizador (grandão, por sinal).” (Fonte).

Nollywood, a Hollywood da Nigéria

Logo da Nollywood, a industria cinematográfica da Nigéria e terceira maior do mundo.

Logo da Nollywood, a industria cinematográfica da Nigéria e terceira maior do mundo.

Uma coisa, que pode ser surpresa para a maioria das pessoas, é que a Nigéria tem a terceira maior industria cinematográfica do mundo, ficando atrás somente de Hollywood e Bollywood. Em termos de produção de filmes, talvez a industria de filmes da Nigéria supere as demais, uma vez que são produzidos cerca de 1000 filmes por mês.

“O cinema da Nigéria tem crescido nos últimos anos e, embora seja um mercado extremamente informal, teve uma grande explosão de produção (…) que tem chamado a atenção mundial por suas características únicas. Toda as produções são realizadas em vídeo. Sua produção é tamanha que já lhe rendeu o apelido de “Nollywood”, pode ser considerada a terceira maior indústria de produção de cinema do mundo, atrás apenas de Hollywood e Bollywood. Em volume de produção, “Nollywood” talvez seja até a maior, já que desde o final da década de 1990 são feitos mais de mil filmes por ano.

O mercado da Nigéria é exclusivamente de homevideo (com 90% da produção sem distribuição oficial, legalizada), pois praticamente não existem mais salas de cinema no país. Com este panorama, não é possível apontar com alguma precisão o tamanho desta indústria. Faltam estatísticas precisas ou elas simplesmente não existem. A única fonte oficial minimamente confiável é o National Censorship Board, responsável pela classificação indicativa, embora o órgão não dê conta do grande volume de produção, e de toda sua informalidade, com muitos filmes sendo “lançados” sem a indicação etária. Sem salas de cinema, a Nigéria conta com cerca de 15 mil locadoras, e em quase todo tipo de comércio pode-se encontrar filmes para vender ou alugar. Estima-se que cada filme venda cerca de 25 mil cópias (…).

Geralmente são os próprios produtores que se encarregam da distribuição das fitas e DVDs, garantindo um retorno financeiro fácil e rápido, com uma margem de lucro não muito ambiciosa, mas volume muito grande. Com esse esquema de produção, em apenas 15 anos a indústria cresceu do zero para um mercado de cerca de US$ 250 milhões por ano que emprega milhares de pessoas. Estima-se que cerca de 300 diretores estejam em atividade, produzindo um total de aproximadamente dois mil filmes por ano. O sucesso desta indústria reside principalmente no fato de a temática dos filmes ter um apelo direto com o público local, por tratar de preocupações, conflitos e realidades que freqüentam o noticiário e o imaginário da população local. Os temas mais freqüentes são a AIDS, corrupção, prostituição, religião e ocultismo.” (Fonte).

Cartazes de produções da Nollywood estão aos montes pelas ruas da Nigéria.

Cartazes de produções da Nollywood estão aos montes pelas ruas da Nigéria.

Em um pais onde 90% da população é envangélica, esse é um veículo de comunicação ideal para que essas práticas contra as crianças sejam divulgadas por esses pastores. Os filmes são feitos com o objetivo de deixar o povo nigeriano preocupado com o fato de que um dos seus filhos pode ser um bruxo. Nas dramatizações, as “crianças bruxas” são chamadas pelo diabo enquanto estão dormindo, saem do seu corpo em espírito e aprontam todo o tipo de maldade, que serão sentidas pela suas famílias.

Cena de um filme típico produzido em Nollywood, onde um boi real é sacrificado na frente das câmeras. Dá pra imaginar o bom gosto dos filmes produzidos por lá (Fonte).

Cena de um filme típico produzido em Nollywood, onde um boi real é sacrificado na frente das câmeras. Dá pra imaginar o "bom gosto" dos filmes produzidos por lá (Fonte).

A maior produtora desse tipo de filme é a evangélica Helen Ukpabio, famosa no país por ser produtora de cinema, e recentemente tem feito adversários na sociedade civil por instigar a idéia que crianças podem ser bruxas, demoninhos serviçais de potestades brancas (Fonte).

Cartaz de uma cruzada promovida pela evangelista Helen Ukpabio chamada Erradicação da feitiçaria. É chocante saber que, no caso, os feiticeiros são crianças com menos de 10 anos de idade.

Cartaz de uma cruzada promovida pela evangelista Helen Ukpabio chamada "Erradicação da feitiçaria". É chocante saber que, no caso, os feiticeiros são crianças com menos de 10 anos de idade.

Veja no vídeo abaixo um dos grandes sucessos produzidos por Helen Ukpabio, chamado “O fim dos ímpios”, onde são mostradas crianças sendo convocadas pelo diabo a noite para aterrorizarem o resto da família.

Trecho do filme "O Fim dos Ímpios" produzido pela evangelista Helen Ukpabio, onde crianças são feitas bruxas.

“Profetisa neopentecostal, de visão macediana em suas campanhas de libertação, e muitos empregados-obreiros fanáticos que fazem Batalha Espiritual contra pequeninos, Helen Ukpabio é a “neusa etioka” da África. A diferença é que se a Sra. Etioka visse que sua pregação estimula o abandono infantil, a agressão contra os pequenos, o amordaçamento das crianças de peito, o embaraço emocional e o infanticídio real, há muito ela, nossa Neusa, teria parado de falar. Calar-se-ia para sempre!

Mas Helen Ukpabio fez fortuna. De onde está, não tem como voltar.

Assista ao vídeo e pense que você é um adulto nigeriano que congrega numa igrejinha perto de casa. Imagine que você tem filhos pequenos, meio levados, meninos saudáveis mas, às vezes, atrapalhados; que deixam cair um prato, quebram um copo sem querer, brigam na escola. E antes de culpar a intolerância pagã de um cristão nigeriano, pense se você já não procurou culpados espirituais por suas doenças e desempregos.” (Fonte).

O grupo do “Caminho da Graça” na Nigéria

Partiu do nosso país, no dia 1 de Janeiro de 2010, um grupo formado por sete irmãos do “Caminho da Graça” com destino a Nigéria, para apurar os fatos que relatei acima e ajudar as crianças acusadas de bruxaria. Com recursos adquiridos através de doações de irmãos do Caminho, o grupo partiu levando versões do Novo Testamento, DVDs, banners e folhetos para serem distribuídos ao povo nigeriano.

Grupo de irmãos do Caminho enviados a Nigéria.

Grupo de irmãos do Caminho enviados a Nigéria.

Tudo começou quando o pastor Caio Fábio recebeu por e-mail alguns vídeos sobre crianças na Nigéria que estavam sendo acusadas de bruxaria por pastores evangélicos (vídeo abaixo). O pastor, ao ver os vídeos, postou uma carta em seu site (veja) e prontamente se propôs a organizar um grupo para ir até a Nigéria ajudar as crianças e pregar o Evangelho ao povo nigeriano, para que ficassem livres de uma vez por todas desses pastores aproveitadores.

Vídeo mostrando pastores acusando crianças de serem bruxas e cobrando muito dinheiro para exorcizá-las.

Sabendo do desejo do pastor Caio em organizar uma missão até a África, vários irmãos de todo o Brasil e do mundo se propuseram a ajudar de alguma forma: uns fazendo doações em dinheiro, outros se oferecendo para fazer parte do grupo e muitas outras coletando mais informações sobre o caso para instruir melhor os irmãos; cada um ajudou conforme pôde.

Informações sobre como ajudar financeiramente o grupo enviado a Nigéria.

Informações sobre como ajudar financeiramente o grupo enviado a Nigéria.

Desde então muita coisa aconteceu. O grupo fez contato com pastores nigerianos (Fonte) e com algumas ONGs que já estavam no local (Fonte). Conheceram Gary Foxcroft, 29, o co-fundador da Stepping Stones Nigéria, uma caridade que trabalha no Delta Nigeriano para proteger os direitos de crianças carentes, particularmente as que foram acusadas de bruxaria; ele foi um dos principais colaboradores a missão.

Grupo enviado à Nigéria fala as 210 crianças de um abrigo, mantido por ONGs, antes de lhes entregar parte do material enviado com eles.

Grupo enviado à Nigéria fala as 210 crianças de um abrigo, mantido por ONGs, antes de lhes entregar parte do material enviado com eles.

As pessoas interessadas em obter mais detalhes sobre a viagem do grupo podem assistir ao vídeo no link abaixo, onde o pastor Caio conversa com Marcelo Quintela, um dos integrantes do grupo.

Papo de Graça – Caio Fábio conversa com Marcelo Quintela sobre a ida à Nigéria

Porém, a melhor maneira de se manter informado sobre o que aconteceu antes, durante e depois da viagem, é ir acompanhando o canal “Dossiê Nigéria” no site oficial do Caio Fábio, onde o leitor pode acompanhar todos os passos e acontecimentos através de um diário virtual mantido pelo grupo na Nigéria e intitulado “Pequeninos na Nigéria“.

Álbum de fotos da viagem à Nigéria incluindo as aulas de surf dadas as crianças pelo irmão Jojó de Olivença, e também de um culto ministrado pelo grupo em Eket City, Nigéria.

Álbum de fotos da viagem à Nigéria incluindo as aulas de surf dadas as crianças pelo irmão Jojó de Olivença, e também de um culto ministrado pelo grupo em Eket City, Nigéria.

Outra boa sugestão aos que querem ter mais informações sobre a missão na Nigéria é assistir ao “Papo de Graça” do dia 9 de Janeiro de 2010, onde Marcelo Quintela fala ao vivo, através de uma ligação telefônica, sobre a situação encontrada por eles (vídeo abaixo).

Primeira parte, de um total de cinco, da entrevista concedida pelo irmão Marcelo Quintela direto da Nigéria.

Como ajudar

Se você é evangélico, saiba que eu não estou contando muito com a sua ajuda, pois o que os evangélicos fazem numa situação dessas é o mesmo que os fariseus da época de Jesus faziam: “edificam o túmulo dos profetas” dizendo “se estivéssemos lá, não faríamos o mesmo”. Eles gostariam que pessoas como o pastor Caio Fábio não existissem, pois, no meio evangélico, a “santidade” está em esconder pecados e não em não praticá-los.

Porém, se não for o caso, você pode ajudar a continuarmos com a missão na Nigéria entrando no site do pastor Caio Fábio (clique aqui) e seguindo as informações sobre como fazer doações em dinheiro, ou algum outro tipo de ajuda.

Todos podem ajudar as crianças da Nigéria evitando freqüentar igrejas com gente maluca e com doutrinas estranhas parecidas com as que citei acima como, “batalha espiritual”, “prosperidade”, “unções” estranhas, promessas de curas miraculosas (elas existem, mas isso nunca foi uma ênfase nem em Jesus), decretos em nome de Jesus, ênfase em experiências sobrenaturais, show de exorcismos, estudo sobre demônios e etc.

  • Nunca aceite qualquer convite
  • Sempre pesquise antes no Google e no Youtube
  • Evite assistir programas de TV dessas igrejas
  • Prefira igrejas sóbrias, com gente normal, simpática e amável
  • Evite igrejas que buscam crescimento a qualquer custo
  • Sempre leia o Novo Testamento
  • Leia bons sites, por exemplo, www.caiofabio.net

Neste artigo apenas apresentei os fatos e fiz isso sempre citando as fontes, para que qualquer pessoa tenha a oportunidade de conferir se são verdadeiros ou não, portanto, tenho a consciência livre porque sei que fiz um trabalho honesto.

Ajude a divulgar o que está acontecendo na Nigéria para que mais pessoas possam contribuir para que esse mal acabe de vez. Se você conhece alguma pessoa que faz parte dessas igrejas, envie esse artigo para que essas elas possam ter seus olhos abertos para enxergarem o mal caminho em que estão.

Mais material sobre esse assunto

  1. The Daily Telegraph – Church burns ‘witchcraft’ children
  2. The News One – Nigerian Witch Hunts Leads To Abused Children
  3. CNN – Abuse of child ‘witches’ on rise, aid group says
  4. Boston.com – Churches in Nigeria denounce children as witches

Escrito por Júnior Bocelli

Júnior Bocelli tem 31 anos, é Bacharel em Física, mas se deu bem mesmo trabalhando como web designer e professor; CEO da iCriação - Sistemas Web e Desktop e funcionário público. Amante de Jesus e do Evangelho, dedica parte do seu tempo a ajudar pessoas que querem Deus, mas não suportam mais a religião.

136 Comentários so far.

  1. vania gloria de castro moura says:

    ESTOU CHOCADA E DECEPCIONADA,ACREDITE.HOJE EU SÓ CONFIO NO SENHOR JESUS!

  2. Miriam says:

    Prezado Júnior,

    Fiquei horrorizada com as coisas aqui mostradas e faladas. Que mundo estamos vivendo? As pessoas em nome de Deus cometem abusos tais, que é difícil de acreditar. Clamo por Deus para separar o joio do trigo. Não dá para continuar mais assim.
    Só sugiro que em uma matéria como esta cuide ao citar nomes, mesmo como exemplo, pois muitas pessoas não sabem “ler” e podem achar que vc está inserindo estes nomes (pessoas ou igrejas) nos casos denunciados ou informados. Acredito que vc está prestando um serviço aos cristãos… E é preciso que se ajude quem está fazendo algo por este povo enganado da Nigéria. Que Deus horrível estão pregando pra eles…

  3. Marcelo Marinho says:

    Vamos chamar o Bento 16 para ajudar também!

  4. Querido Marcelo,

    Na verdade esse meu texto está em diversos sites de organizações umbandistas e muitos deles estão colaborando. Os únicos hipócritas que fazem de conta que nada está acontecendo são os cristãos.

    Abraço.

  5. Marcelo Marinho says:

    Vamos colaborar em destruir os cristão?

  6. Marcelo Marinho says:

    Vamos colaborar em destruir os cristão? Estou acredintando que seu interesse é de acabar com os evangélicos!

  7. Marcelo Marinho says:

    Vamos colaborar em destruir os cristão? E mais uma vez vasmos chamar o Bento 16.

  8. Boa noite Marcelo,

    Jesus diria acerca disso que você disse: “Vós não sabeis de que espírito sois, pois o filho do homem não veis destruir vidas, mas sim salvá-las”, como ele diz para Tiago e João no caminho para Jerusalém.

    Eu sei de qual Espírito eu sou, pois não adoro demônios enquanto acredito que estou servindo a Deus.

    Que interesse teria eu em salvando algumas vidas, destruir outras?

    Abraço.

  9. Essa história de Bento 16 me lembrou o Brasil Colonial. De repente, se tiver alguma riqueza (como ouro) na Nigéria a Igreja Católica até se interesse pelo assunto.

  10. Marcelo Marinho says:

    Então meu amigo, quero ver você fazer algun comentário sobre padres pedófilos! Que estória é essa de colaboração de umbandistas.

  11. Pois é Marinho,

    O mesmo Evangelho diz que quando os “sacerdotes” e “levitas” negam ajuda, os “Bons Samaritanos” continuam fazendo a obra de Deus.

    Abraço.

  12. Marcelo Marinho says:

    Obrigado pelo Marinho! “Bons samaritano ?” Sei não? Me responda com sinceridade : Você é evangélico? Qual igreja frequenta? Eu não percebo em você uma pessoa explicita! Tenho a impressão que você nega os serviços sociais de muitas igrejas evangélicas sérias! Será que para você o Evangelho não recupera pessoas perdidas? E a idolatria que devastou nosso país durante 400 anos? O evangélico não é um ser perfeito, mas se esforça para contribuir em um Brasil bem melhor. Por que não comenta sobre padres pedófilos? E me desculpe se você tem algum parente ubandista.
    Aquele abraço!

  13. carol says:

    Olha Bocelli voce tem um pensamento muito erronio sobre as igrejas evangelicas em primeiro lugar nao somos religiosos, nos somos nascidos no amor de Deus.
    Nosso ensinamento eh q a palavra salva e nao mata e que Deus eh AMOR.
    Vc colocou o nome de varias igrejas nesse site mas com certeza nem deve saber a historia de nenhuma delas.
    Por favor esclareça para nos se vc eh de alguma igreja ou religião ou o que vc segue.
    E por fim nos diga pra onde relamente vai essa colaboraçao que vc pede no final da materia.
    O q vc escreveu eh realmente aterrorizante mas enfim a internet eh um veiculo sem restrições fica dificil saber ate onde isso eh real.
    As pessoas fikam tendenciosas quando leem esse artigo e podem ser influenciadas.
    No mais oro pra q o Senhor faça a vontade Dele em nossas vidas, que eh boa agradavel e perfeita.

  14. barros says:

    estar revoltado com alguma coisa é meu amigo?primeiramente jesus nos deixou bem claro!no mundo sereis odiado por muitos;mais tem bom animo eu vencir a satanás e as suas descedencias.o que DEUS quiz nos dizer com isso?antes de falar do evangelho de cristo,venha viver nela pra vc ver se é assim que vc estar dizendo?

  15. Meu querido Barros,

    Jesus disse que o mundo odiaria os seus discípulos por causa dEle mesmo e do Evangelho, não porque eles se tornariam esses cretinos que vocês se tornaram.

    Abraços.

  16. Gustavo N. Rocha Dias says:

    Falar mal de religiões afro é facil colegas (detalhe, maioria delas descendem da cultura nigeriana), quero ver é enchergar as coisas boas que fazem, assim como chegar e falar mal de evangélicos também é fácil, difícil, muito difícil é enchergar o que fazem de bom, muito mesmo

  17. Querido Gustavo,

    Concordo com o que você disse em ambos os casos: “difícil, muito difícil é enchergar o que fazem de bom, muito mesmo”. Essa dificuldade é devido ao fato de que o “bem que eles fazem” é extremamente raro e na maioria das vezes arbitrário.

    Grande Abraço.

  18. SAMANTA says:

    Caro Bocelli,

    Me diz uma coisa.. poque voce acaba com os evang

  19. Cara Samanta,

    Acabar com o que? Não tenho tempo a perder chutando cachorro morto; eles se acabaram por conta própria. Você, que se diz “anti-aborto”, não dar atenção a minha matéria só prova a hipocrisia maldita que existe no meio “cristão”.

    Abraço.

  20. alex says:

    vç tem toda razão em ficar revoltado com as coisas que tem acontecido e eu tambem nasci e cresci num lar evangélico,e tenho visto coisas que entristece o meu coração,e isto tambem me revolta
    de uns tempo para cá muitas coisas tem mudado, mas ainda ha um povo que adora a Deus com honestidade e muita seriedade,não visando interesse financeiro,anunciando o evangelho da verdade,o teu trabalho só nos mostra que temos que melhorar e tentar tirar essas pessoas das mãos desses charlatões e pregando o evangelho verdadeiro com amor e zelo pelas santas escrituras,pois o evangelho e coisa seria.
    Um abraço.

  21. Caro Alex,

    É exatamente por isso que eu nunca destruo uma ideia religiosa sem propor algo no lugar que seja segundo o Evangelho de Jesus. Não estou aqui para destruir a fé de ninguém fazendo meras críticas. Perceba que em todos os textos eu sempre proponho algo que seja segundo o Evangelho no lugar do erro.

    Grande abraço.

  22. RICARDO ROSA says:

    NAO DEVEMOS NOS CONFORMAR COM ESTE SECULO. VAMOS FAZER ALGO DE VERDADE POR ESSAS CRIANÇAS, SAINDO DE NOSSAS REDES PINDURADAS EM NOSSAS VARANDAS AREJADAS. VEM COMIGO. QUERO FAZER UMA COLETANEA DE GRUPOS MUSICAIS DE VARIOS ESTILOS, GRAVAR UM CD, VENDER E REVESTIR TODA GRANA QUE FOR ADIQUIRIDO PARA ESSE PROJETO DO CAMINHO EM CUIDAR DESSAS CRIANÇAS.

    VEM COMIGO.

    DE RICARDO (RLOCO)

  23. Renata Monteiro says:

    Nossa gente, vocês são ridículos..Vocês não parecem amar a Deus e sim a religião..fico de cara com uma matéria tão séria dessa e vocês discutindo religião..o único propósito de qualquer religião seria amar a Deus a cima de todas as coisas..Infelizmente o que acontece nesse mundo miserável que vivemos é que a palavra de Deus é e sempre será distorcida..e me deparo com uma matéria tão séria dessa, a culpa disso tudo não é do Cristianismo nem do Catolicismo nem do Espiritismo..a Culpa vêm de pessoas gananciosas, que pregam a palavra de Deus por dinheiro o que deveria ser por Amor..fazer com que nos preocupássemos com o próximo..gente acorda..Em vez de vocês ficarem ai debatendo sobre religião o propósito da coisa é outro, ajudar as crianças..vocês deveriam se unir..Católico e Cristão amando a Deus e ajudar as pessoas que precisam..Como ser – humano vocês são hipócritas e mesquinhos..Ridículo essa discussão de vocês!!!
    O mal está ai cutucando vocês..estão cegos e esqueceram o propósito da matéria!!

  24. RAFAEL PROSKUNEO says:

    Caro Junior Bocelli, é isso ai, infelismente alguns comentários me entristecem muito, por exemplo um que tem ali acho que de uma moça, perguntando porque você ta “acabando com os evabgélicos?”… A que ponto chegamos? As pessoas defendem com “unhas e dentes” o nome da religião, quer seja “cristã”, “mulçumana”, “budista” e etc.. E dentro do “cristianismo” criou as raízes: Católica, protestante, espírita e etc….
    As pessoas defendem isso, mas não são a favor da VIDA, as pessoas se irritaram porque falaram da religião deles, TRISTE MESMO!
    Mas que todos cresçam a consciência no EVANGELHO, eles que defendem a religião dele, nós que nos entristecemos ante a calamidade que o mundo está… Sim! Jesus venceu o mundo! Mas muitos estão religiosamente mundanos! Lógico que é LOUVÁVEL a ATITUDE de algumas “igrejas” que fazem missões de verdade, eu as conheço, porém, a “MASSA” da “igreja evangélica” tá investindo MILHÕES em NADA: Cd’s. DVD’s, Shows, eventos, e etc etc e ETC…

    Deus abençõe caro Júnior…

    Nele, que nos disse: eu vos envio como ovelha no meio de lobos, e temos que tomar cuidado para que nós não sejamos os lobos para com as ovelhinhas do Pai,

    FaeL Proskuneo!

  25. Priscilla says:

    Júnior,

    Muito, mas muito boa mesmo a matéria. Parabéns! Difícil entender como você ainda tem paciência para ouvir (ler) tantos absurdos vindos de “papagaios de pirata”, sem conhecimento do Evangelho e que repetem o que ouvem em suas igrejas e comunidades. Deus nos ajude a amá-los também. Um abraço!

  26. Dionisio says:

    Caro irmão Bocelli !!!
    fico feliz em ver sua coragem e determinação sobre o assunto destes pequeninos inocentes africanos. uma pessoa teve que começar a espalhar e abrir os olhos dos cegos evangélicos e voce foi escolhido. eu tiro o chápéu pra vc irmão e continue assim seu trabalho que ainda é pequeno mas um dia todos reconhecerão.
    abços Dionísio ( IEQ boa vista )

  27. Adoradora says:

    Acho uma perda de tempo esta discussão. Cada um faz eacredita no “deus” ou NO DEUS que quer. Quanto ao Caio Fábio, já fuiz “ovelha” do seu rebanho, e sei o seu passado. Que Deus tenha misericórdia dele e de todos nós. Amém e amém.

  28. Lucas says:

    O lance mesmo não é sentir raiva desses caras que estao fazendo isso, na pura verdade mesmo eles nao são cristãos coisa nenhuma, cristão que segue a cristo mesmo, nunca faria uma barbaridade dessa!
    Cristo disse, o reino é das criancinhas, inclusive dessas.
    Mas infelizmente o que mais existe no mundo são pessoas que se dizem cristão mas nao conhecem a Cristo. Hipócritas, Mentirosos, Caluniadores, e que se acham os tais, que só por eles se chegam a cristo. Palhaçada. Só querem poder, status.

    Mais do que falar, é fazer, vamos fazer o Amor acontecer, o amor que tem que ser compartilhado, só assim ele existe.
    Amor, Paz e pão pra Nigéria! essa é a guerra !

  29. O que há de novo na eterna cruzada contra infiéis? Apenas uma novidade: o fundamentalismo religioso a la século 21. Se antes os protestantes do século 15 e 16 lutavam contra os males gerados pela ICAR e sua hegemonia, hoje o que se pode dizer a respeito desses mesmos fiéis, trazendo para o nosso tempo atual? Será que esses neopentencostais são mesmo loucos e degenerados ao extremo? Será que voltamos aostempos de caça às bruxas, mas sem a participação direta da ICAR? Isso só prova que quem não aprende com a História, está fadado a repetí-la.

  30. Caro Adriano,

    Não há nada de novo; principalmente se considerarmos também a história pregressa ao Cristianismo. Os cristãos da igreja de Jerusalém – os “zelosos da Lei”, sob o comando de Tiago – já perseguia os cristãos gentios que tinham por apóstolo Paulo, que dizia que a salvação era um presente de Deus e que ninguém podia ser salvo (na verdade salvar-se) sendo “zeloso” de lei alguma. Nos dois primeiros séculos o Império Romano – que mais tarde forneceria as bases pagãs ao Cristianismo” – os primeiros cristãos também foram perseguidos.

    Estou querendo dizer que não se trata de “aprender com a História” somente. Sempre que estiver estabelecido os princípios pagãos (de troca entre o homem e a divindade, da auto-justificação, do clero formado por homens especiais do resto do povo, de lugares sagrados, de oferendas e ritos que só podem ser realizados por essa classe superior e etc) haverá homens perseguidores, seja na época em que for. Pois, entre outras coisas, o que essas organizações querem é hegemonia política e econômica. Ora, os fariseus não perseguiam os “pecadores”.

    Quando os cristãos estiveram reunidos a não ser pela espada? A ICAR possuía (apesar de poucos) os seus cismas, com a reforma não foi diferente, tivemos várias divisões. Depois com os movimentos de “renovação” e “avivamento” os cristãos se separaram de vez. Em todas as épocas tivemos perseguições entre os cristãos, ou fora das organizações

    Abraço.

  31. Cara adoradora,

    Você acha uma “perda de tempo” essa discussão porque não é você quem está sofrendo essas perseguições; não graças aos “cristãos”, mas aos defensores de uma sociedade justa e igualitária que quase sempre não possuem relação nenhuma com o Cristianismo. Essa inversão acontece porque os cristãos são pessoas mesquinhas e egoístas iguais a você. Pessoas que compartilham da sua bestialidade impedem que pessoas boas tenham uma melhor comunhão com Deus, de forma que, como disse Jesus, a salvação em sua maioria alcançou pessoas anônimas do Reino de Deus que O serviram sem mesmo terem consciência disso (Quando, Senhor, te vimos com fome, ou com sede, ou preso ou doente…?!).

    Quanto ao Caio, eu nem sabia que ele tinha um “rebanho”; sempre gostei dele e nunca vi nele desejo nenhum de ter um rebanho ou seguidores, por isso no nosso meio temos apenas irmãos e irmãs que são livres para agirem na graça de Deus conforme a consciência que tiverem em cada tempo. Se ele é líder de alguma coisa, ou as pessoas gostam de ouvi-lo, deve ser porque ele sempre de doou as pessoas por amor sem pedir nada em troca. Cumprindo o que Jesus disse “no meu Reino o maior é o servo de todos”.

    Você também diz que sobre o passado do Caio, porém, veja o testemunho do seu presente. Você é incapaz de se solidarizar com a dor humana, não sabe discernir o que é bom e o que é justo.

    Abraço.

  32. Adoradora says:

    JÚNIOR, VOCE É “JÚNIOR” POIS A TUA MENTE É SÓRDIDA E PEQUENA. VOCÊ É UM ENDEMONINHADO SUJO QUE DESEJA POR DISCÓRDIA NO MEIO DO POVO DE DEUS. E NÃO PRECISA ME CHAMAR DE “CARA”, POIS VOCÊ SÓ IDOLATRA A SATANÁS, E NÃO AMA NEM A SI MESMO, POIS É UM APÓSTATA DA FÉ CRISTÃ.E NÃO QUERO ME RELACIONAR COM UM FEITICEIRO QUE VOMITA AO INVÉS DE FALAR. ACEITE JESUS COMO O TEU SENHOR E SALVADOR, QUE VOCE SERÁ CURADO. EM NOME DE JESUS CRISTO EU REPREENDO AGORA O DEMONIO QUE ESTÁ TE USANDO PRA PLANTAR O ÓDIO E A REVANCHE EM MEIO AO POVO DE DEUS. SOMOS POVO SANTO, CIDADÃOS DO CÉU, E VOCÊ VIVE UMA VIDA EM MEIO AO TEU PRÓPRIO VÔMITO.
    QUANTO AO CAIO FÁBIO, BEM SE VÊ A TUA IGNORÂNCIA, POIS ELE ERA PASTOR DA IGREJA PRESBITERIANA BETÃNIA EM NITERÓI, E FUGIU, APÓS TRAIR A MULHER COM A SUA SECRETÁRIA, E TER FEITO PACTO COM O DIABO NA GLOBO. ACORDA, JUNINHO MEDÍOCRE, VOCÊ NÃO VAI NOS VENCER!ALELUIAS. O SENHOR É CONOSCO!

  33. Adoradora says:

    CARTA ABERTA AOS AMADOS EM CRISTO JESUS

    AMADOS IRMÃO, NÃO PERCAM TEMPO SE RELACIONANDO COM IMUNDOS QUE QUEREM DESMORALIZAR O NOME DO SENHOR E BLASFEMAR CONTRA O ESPÍRITO SANTO. A PALAVRA DE DEUS AFIRMA QUE O DIABO VEIO PARA MATAR, ROUBAR E DESTRUIR. AQUELE QUE ACUSA NÃO É DE DEUS. PÁREM DE CONVERSAR COM ESTE INFELIZ DO JÚNIOR, APENAS VAMOS ORAR POR ELE QUE NÃO SE CONVERTEU AOS CAMINHOS DO SENHOR. NÃO DÊEM PÉROLAS AOS PORCOS, POIS ELES NÃO VÃO SABER APRECIÁ-LAS. CONTINUEMOS COMBATENDO O BOM COMBATE, VENCENDO A CARREIRA EGUARDANDO A NOSSA FÉ. A PAZ DO SENHOR PARA TODOS!

  34. Cara Adoradora,

    Se vocês fossem “povo de Deus” se pareceriam com Ele e também teriam as mesmas obras que Ele. Porém as obras de vocês são malignas e diabólicas, eu apenas estou trazendo elas para a luz, ondes todos podem ver e julgar.

    São pessoas como você que me fazem seguir em frente. Obrigado.

    Abraço.

  35. Cara Adoradora,

    Cria vergonha nessa sua carona de porca. Você quer enganar a quem? A verdade sobre o que vocês fazem está toda aí, e, como podem ver, é tudo nojento e maligno.

    Abraços.

  36. fernando says:

    Prezados,

    Bom dia. Sou cristão evangélico e sei que existem muitos exageros em nosso meio. Não podemos escondê-los, não podemos aceitá-los e temos que denunciá-los por completo. Esse mal deve e tem que ser retirado do meio cristão porque isso descaracteriza por completo a identidade do cristão. Acho louvável e muito oportuno esta divulgação. Porém sugiro que mais tempero e moderação em suas respostas aos quê lêem as matérias aqui divulgadas. Em um mundo de escândalos e respostas com aparente raiva e descontrole geram desconfiança e muita falta de credibilidade, podendo a outros acharem que a matéria não passa de montagens e mentiras forjadas para retirar a credibilidade de cristãos evangélicosos.

    Temos que respeitar todas as pessoas e religiões, não podemos aceitar a bandidagem, a criminalidade, a violência contra as crianças e a falta de responsabilidade de líderes e principalmente dos pais.

    Eu aguardo a volta de Cristo e enquanto Ele não vem eu faço a minha parte ajudando a quem precisa e não somente a evangélicos.

    Podemos fazer um mundo melhor se cada um contribuir um pouco.

    Deus te abençoe.

    Fernando Novaes

  37. Cara gostei muito da sua matéria, confesso que desse povo evangélico já esperava de tudo, mas nunca imaginei que eles chegassem a esse nível.
    Essa gente anda fazendo o mesmo aqui no Brasil em algumas tribos indígenas.
    Eu queria pedir sua autorização para futuramente copiar a sua matéria ou parte dela no meu blog(com os seus devidos créditos). Quanto ao pastor Caio Fábio ainda preciso pesquisar muito sobre ele, se é verdade mesmo esse trabalho todo, a respeito da conta, pra onde vai de fato o dinheiro a sua relação com o governo nigeriano em fim…Em fim se o cara não é mais uma madre Tereza de Calcutá da vida…
    Bom qualquer coisa me envia um e-mail no kempoviki02@gmail.com ou me add no meu Facebook https://www.facebook.com/kempoviki
    Abraço!

  38. AUTONOMO says:

    ABSURDO ELES E QUE SÃO OS BRUXOS PIOR ELES SÃO OS ENVIADOS DE SATANAS

  39. moises D. Abelama says:

    nossa, quanta coisas boas e horríveis acabei de ler…ufa…..
    tenho observado tudo aqui descrito. o texto foi muito bom e educativo, mas os comentários de ambas as partes se perderam no caminho. todos tem sua razão de ser. mas esqueceram de orar o pai nosso, ou pelo menos entendê-lo. pois perdão aqui não existe pra ambos os lados. e não importa o passado, mas sim o presente e o futuro. parece-me que ambos comentários vieram a tona pra simplesmente desviar os fatos horrendos que acontece na Nigéria, será possível que nem a mercê destes fatos, vocês não conseguem se harmonizar em prol de ajudar esses pequeninos que sofrem com abusos neste pais miserável, onde nem os governantes fazem algo por eles.
    Ser discípulo de Jesus é não odiar, não ficar perdendo tempo com coisas que não nos levará a nada. Ser discípulo é amar ao meu próximo, independente de religião, credo, cor ou qualquer coisa do gênero. e quanto ao Caio Fabio, considero um homem de Deus, ele errou? errou sim mas se reconciliou com Deus e hoje faz um ótimo trabalho de servo do Deus altíssimo. E quem somos nós pra julgar alguém. Se vocês não estiverem abertos ao perdão e ao amor ao próximo, nada vale e suas vitas estão contaminadas, vão ficar se matando e se maltratando enquanto nossos pequeninos vão ficar morrendo. parem com isso e peçam a Deus pra que restaure a verdadeira fé e o verdadeiro amor entre os que tem a Deus verdadeiramente. o resto é resto.

  40. Beto says:

    O q fode é o conceito medieval de guerra santa, enquanto “cristãos” tiverem essa idéia ridícula de guerra santamerdas como essa acontecerão. Usa-se a igreja como mero instrumento de controle social. A história mostra o qto já se matou em nome de Deus, se esse Deus é o q manda matar seja lá quem for, prefiro não segui-lo.

  41. Caro amigo Junior Bocelli, Seu trabalho foi fantástico para esclarecer as verdadeiras intenções da religião evangelica,pois só os idiotas não conseguem ver o que realmente está acontecendo nas igrejas, esse povo segue a religião como bois,sem noção de nada, é defende as intituições com unhas e dentes,estão cansados de saber que as igrejas que vc sitou só como exemplo, são sim igrejas que pregam prosperidade,mas preferem não enxergar!!!!hipócritas não estão preocupados com vidas como jesus ensinou, mas em defender sua religião. Quero dizer que Jesus não é uma religião, ele é vida e não institui nenhuma religião,pois sua morada está dentro de nós. Não perca seu tempo respondendo a essas pessoas, nem entenderam a sua reportagem, tamanha ignorância,Por causa dessas pessoas e que o evangelho que é tão lindo!!está destruido.PS sou cristã é não burra. Abraços

  42. Boa noite Cultura Ateísta,

    No site do Caio Fábio e em outros blogs oficiais temos matérias semanais com vídeos, textos e fotos do nosso grupo la na Nigéria e outros países africanos. É um movimento que começou pequeno (como mencionei no texto), mas que agora está com uma boa estrutura e conseguindo muitas mudanças por lá; não só em relação a situação das crianças, como também da qualidade de vida do povo em geral.

    Abraços.

  43. Paulo Meneze says:

    Ultimamente quando aparece algumas aberrações como essas, é comum se culpar essa ou aquela religião, os absurdo aqui relatados, não foram cometidos por religiões, na verdade foram cometidas por “homens e mulheres” que na ânsia da fama e na ganancia de ganhar dinheiro ou defender ideais é que são os verdadeiro autores dessas atrocidades. Se voltarmos na história, veremos a igreja católica cometendo os mesmo erros doutrinários dessa reportagem, perseguições a bruxas,escravização e extermínios de índios, mortes na fogueira cometidas pela “santa inquisição”. Então os fatos aqui apresentados não trazem novidades para quem conhece a história. A novidade é alguns internautas não conhecerem a história das religiões.
    O grande problema é humano, que se aproveitam dos seus semelhantes para em nome de “deus” (minusculo mesmo)promoverem barbárie com fins lucrativo. É lamentável a situação da humanidade, que se parece mais com o mundo animal irracional.

  44. ANDÉA says:

    Fiquei chocada e profundamete entristecida,como pode isso gente,crianças sendo acusadas de serem bruxas,o que esses pastores estão pregando?foi pra isso que jesus morreu na cruz?que tristeza,que horror,que dor.

  45. Viviane Oliveira da Costa says:

    Olá Júnior! Parabéns pelo teu trabalho amigo, esses comentários de quem defende placa de igreja com unhas e dentes já eram de se esperar, é sempre assim! Essa tal adoradora que ai mete o pau em você e no seu trabalho excelente neste blog, não esta conseguindo cumprir nem os dois mandamentos fundamentais que Cristo deixou, pois não se sensibilizar com acontecimentos como esses aqui descritos com textos, fotos e até videos só pode ser descrito como uma puta falta de amor ao próximo! Não sou de religião nenhuma assim como você, acredito em Deus, mas não num Deus que explora e abusa de crianças, nem num Deus que só quer saber de dinheiro, num Deus de amor, pois a própria Bíblia não diz nem que Deus sente ou tem amor, e sim que Deus É AMOR, a própria personificação do AMOR!
    Em suma, é isso mesmo amigo! Você esta de parabéns ao enfiar o dedo nos olhos desses assassinos/ladrões… não deixe, não deixe mesmo que calem a tua voz!

  46. Augusto Filho says:

    Olá Júnior,
    Parabéns pelo trabalho. Gostei bastante. Fiquei espantado com o que li e vi nos vídeos e fotos, em especial, uma criança que morreu dias depois de ter sido obrigada a beber ácido pelos parentes a mando de um Pastor, que a acusava de bruxaria. É revoltante, muito revoltante saber que ainda há intolerância religiosa e ainda por cima, nesse nível e sempre ”certos evangélicos” envolvidos. Impressionante. Tenho muitas esperanças de que isso tenha um fim logo e que loucos como esses, enganadores e hipócritas paguem por praticar más ações como estas em nome de Cristo! *PS: Quanto aos comentários deste post, confesso ter rido bastante. Li muita ignorância, muita ”idiotisse”, de pessoas que não souberam interpretar o que foi publicado por você. Confesso que não teria tanta paciência para responder tanta ignorância, tanta burrice e besteira. Um abraço Junior!

  47. Eduardo Silva says:

    Eu já me entristeci muito com atitudes de muitos que se dizem cristãos. Mas nem por isso vou chutá-los. Quero que alguém me mostre na Bíblia onde Jesus disse que no meio de Seu povo não haveria discórdias, intrigas, carnalidades, entre outros. Chamar os evangélicos de cachorro morto é uma ofensa ao próprio Cristo. Os evangélicos, ou os que creem no evangelho, são cristãos que em boa parcela buscam a santidade e o perdão de Deus por seus erros.

    Enfim, sou evangélico e cristão e sei de Quem sou e para onde vou.

    “De maneira que cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus.”
    Romanos 14:12

  48. Querido Eduardo Silva,

    Isso que você escreveu não faz nenhum sentido. Faria apenas se Jesus fosse evangélico, pois, ao contrário do que você citou, os evangélicos na sua maioria não creem no Evangelho, muitos nem ao menos sabem o que é isso. Não é porque um grupo usa uma nomenclatura, como igreja, Evangelho, Jesus, perdão e etc, retirada do Evangelho que esse povo realmente tenha alguma coisa a ver com os ensinamentos do Evangelho. Na verdade, depois de muito anos me indago se os evangélicos têm alguma vantagem com relação as coisas de Deus e vejo que não existe vantagem nenhuma.

    Nenhuma pessoa deve ser chamado de “cachorro”, porém, na linguagem popular, o termo “cachorro morto” tem um outro significado que nada tem a ver com o animal. Você pode procurar por esse significado em um dicionário, por exemplo.

    Em tempo reforço o poder e a validade do Evangelho de Jesus, aquele que Ele ensinou.

    Abraços.

  49. Luiz says:

    Júnior , bom dia que jesus te de forcas para suportar todas essas perseguições aí na Nigéria , gloria a Deus por esse trabalho que se preocupa com o próximo , fico triste apenas por esses comentários que li , que nao edifica em nada nossas vidas, lembrei de Jesus que na Cruz , disse pai perdoa porque nao sabem o que fazem, isso no momento de terrível dor , onde qualquer pessoa estaria blasfemando , mas Jesus nao , ele os amou pedindo ao pai para os perdoar, irmão esses somos nos , quando estamos defendendo nossos interesses, nossas convicções religiosas , nossa doutrina de fé , e esquecendo se do sentimento maior que e o amor , devemos sim pagando o mal com o bem ,e demostrarmos amor até por essas pessoas que se dizem cristão e exploram as crianças , com propósito de adquirir riquezas , com sabedoria orarmos a Deus para que nossos corações sejam como de Cristo , a ponto de dizer para Deus , pai perdoe porque nao sabem o que fazem, acho que esse sentimentos e que deve brotar em nossos corações afim de que sejamos conhecidos pelo pai , como seus discípulos e por fim a humanidade seja de fato evangelizada por esse amor , o amor dr Deus . Fique com jesus

  50. Rafaela says:

    Olá! Sabe, coisa errada tem q denunciar mesmo mas, não temos o direito de generalizar nada nem ninguém, o problema está no coração de quem se diz ser o q não é, pra isso, a bíblia nos fala do Anticristo e q ele enganaria até os escolhidos. Tem muita gente mentirosa em nome de Deus e querendo sujar o nome de Deus para que ele caia no descredito. Amo a Deus, amo a palavra que me salvou e salva vidas todos os dias, eu vejo, ninguém me coutou mas, vejo q vc não critica o ato e sim o povo em geral evengelico, te digo uma coisa, já vi gente de varias nomeclaturas e religiões fazendo atrocidades em nome de Deus mas, cada uma delas é responsavel por seu atos e procuro conhecer cada uma dessas ramificações pra ver como as pessoas deturpam as coisas, que ver? Nunca ouvi falar q evengélico faz exorcismo! Isso não é cultura evengélica, já tem coisa errada aí e por aí você já percebe q estas pessoas estão se passando pelo o q não são. Muitas igrejas também se dizem evangelicas mas, em um dado momento de sua história, começa a adotar outras doutrinas e daí já deixaram de ser evangélicas a muito tempo pq envergonham a Deus. Conheça a fundo meu querido, é bíblico, joio e trigo no mesmo lugar- nem todo mundo é joio, não acuse.


Conheça também